Abandone os maus hábitos se você vai por a gravidez

Se você decidiu ser mãe, convém que saibas que hábitos e costumes, você terá que sair para fazer com que a gravidez seja saudável e seu bebê venha ao mundo de uma forma saudável.

Maus hábitos, como fumar ou beber álcool devem ser esquecidos, se possível, por completo. Para o bem de sua saúde e de seu bebê, melhor que o faça com o apoio e a colaboração de seu parceiro. Qualquer esforço ou mudança que seja realizado o bebê deve ser compartilhado.

Deixa o charuto, se você quiser ficar grávida

Se quiser ter um filho saudável deve começar antes da gravidez, a cuidar de si. O corpo é sábio e precisa de preparação e de saúde para gerar outra vida. Quanto antes abandone o tabaco e o álcool, melhor. Quando decidir ter um filho, desliga o seu último cigarro. Lembre-se que o fumo é muito prejudicial para o feto. Se você fuma, seu bebê também o fará em seu ventre. O mesmo acontece se você parceiro ou outra pessoa fuma perto de você.

De acordo com alguns estudos, as mulheres que fumam têm menos chances de engravidar do que as que não fumam. O tabaco também pode reduzir a mobilidade dos espermatozóides dos homens, diminuindo as chances de concepção. E quanto ao bebê, a nicotina aumenta as chances de que nasça prematuramente, com algum tipo de malformação congênita, com alguma doença respiratória, ou causar uma morte súbita. Quando decidir ter um filho, pare de beber álcool.

Se você está grávida, não beba álcool

Os médicos concordam que o melhor é que deixe de beber álcool, alguns meses antes de tentar ficar grávida, já que o álcool pode dificultar o processo de maturação dos espermatozóides e dos óvulos, o que pode fazer mal ao óvulo recém-fecundado. O consumo de álcool pela mãe pode afetar o sistema nervoso, o coração, os rins e outros órgãos do bebê, e causar até mesmo um atraso mental ou que desenvolva lábio leporino. Não existe um nível de consumo de álcool seguro para as grávidas, o consumo moderado de álcool pode produzir carências fisiológicas e distúrbios da conduta, no feto.

Bom, se depois de tudo haveis decidido abandonar o tabaco e o álcool, para o bem do vosso filho, eu creio que estais preparados para serem pais. Conhecer e reconhecer que os efeitos desses maus hábitos podem ter consequências negativas sobre o bebê pode ser o primeiro e grande passo para a maternidade e paternidade.

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *